domingo, 29 de maio de 2016

Que Brinquedo oferecer ao meu Filho?


Escolher o brinquedo mais adequado para cada fase do desenvolvimento da criança é fundamental para estimular a sua curiosidade e as suas habilidades motoras e intelectuais, contribuindo para o seu crescimento.
O brinquedo ideal é aquele que representa um desafio para a criança que o recebe e que se encontra um pouco à frente do seu grau maturativo, sem no entanto ser demasiado avançado ao ponto de a poder desmotivar.  
A tabela seguinte dá a conhecer as aquisições e as aprendizagens inerentes a cada etapa do desenvolvimento infantil e os brinquedos mais indicados para cada faixa etária que contribuem para o desenvolvimento motor, cognitivo, emocional e social da criança.


DO NASCIMENTO AOS 2 ANOS

DOS 3 AOS 5 ANOS


DOS 6 AOS 8 ANOS

DOS 9 AOS 12 ANOS



Os brinquedos devem promover a estimulação dos sentidos, permitindo a experimentação por meio do tato, da audição, do olhar, do paladar ou do olfato. Os mobilies coloridos, colocados por exemplo sob o berço, estimulem  os sentidos através das suas formas, texturas e  sons.
Os brinquedos devem ser macios, coloridos, com diferentes texturas e produzir algum som, sem ser em exagero. Não devem ter peças pequenas e perigosas que se possam soltar e ser engolidas ou aspiradas, nem bordas afiadas que possam magoar.


Os brinquedos devem estimular o conhecimento, o raciocínio, a memória, a coordenação motora e também a imaginação.  As brincadeiras de faz de conta ajudam a simular a vida familiar e social das crianças, a representação de vários papeis, a encenação de conflitos e a elaboração dos mesmos
Podem ser inseridos jogos com regras fáceis, que permitam trabalhar o raciocínio e as emoções, e em que através do perder e do ganhar a criança possa começar a trabalhar a resistência à frustração.
Os brinquedos que estimulem brincadeiras ao ar livre e em grupo são igualmente importantes ao nível da socialização.


São indicados jogos de regras mais complexas e brinquedos que estimulem o espírito inventivo, a imaginação, o raciocínio lógico e conceitos matemáticos. As crianças devem ser estimuladas a ler e a realizarem atividades que envolvam habilidades físicas e que promovam a convivência em grupo e a aprendizagem social.

As crianças e pré-adolescentes começam a desenvolver habilidade específicas e a definir os seus gostos e os seus interesses, pelo que é conveniente indagar sobre isso. No entanto, importa continuar a estimular a sua capacidade de raciocínio e a sua criatividade.

Brinquedos Indicados

* mobilies coloridos
* brinquedos de berço
* chocalhos
* mordedores (aliviam o desconforto do nascimento dos dentes)
* chaves coloridas, rocas e  bolas com guizos
* brinquedos de borracha para apertar
 * brinquedos flutuantes, eletrónicos, de empilhar, blocos para encaixar e alinhar  que incentivam o sentar e o gatinhar
* bonecos e carrinhos 
* livros apelativos com imagens coloridas
* brinquedos que emitam som quando se pressiona um botão (relação de causa-efeito)

Brinquedos Indicados

* bonecas, casinhas, carrinhos
* animais de plástico (domésticos ou selvagens)
* cozinhas, quintas, meios de transporte
* conjuntos de pintura
* instrumentos musicais
* triciclos
* puzzles
* plasticina
* quadro negro com giz.
* jogos didáticos
* livros de contos infantis
* livros de atividades.
* legos e construções


Brinquedos Indicados

* jogos de tabuleiro
* jogos eletrónicos
* quebra-cabeças
* argila para moldar
* puzzles
* legos
* construções
* bicicletas
* bolas
* artigos de desporto
* conjuntos de pinturas      
* livros de contos infantis
* livros de atividades

Brinquedos Indicados

* livros
* instrumentos musicais
* jogos de mágica
* kits de química
* jogos eletrónicos
* música
* jogos de tabuleiro
* jogos de mesa
* artigos desportivos
.

Antes de comprarem um brinquedo para as crianças é importante os pais refletirem sobre as seguintes questões.
1 – O brinquedo incentiva o desenvolvimento de habilidades físicas ou intelectuais no meu filho?
2 - O brinquedo/jogo é adequado para uma interação com outras crianças ou jovens?
3 – O brinquedo permite-me brincar/jogar com os meus filhos?
4 - O retorno é proporcional ao investimento?
5 - O brinquedo é oferecido para promover o desenvolvimento dos meus filhos ou como uma forma de compensar a minha ausência?

Mais importante que os brinquedos em si são as próprias brincadeiras que podem ser feitas com poucos recursos, o essencial é usar a imaginação e meios que possibilitem a exploração de diferentes linguagens como a musical, corporal, gestual, escrita.



Sem comentários:

Publicar um comentário